sexta-feira, 15 de julho de 2011

De repente tenho um sonho,um sonho que se repete e eu não sei ao certo o que quer me dizer.Alguns diriam que era um sinal ou aviso,eu não sei o que pensar,talvez possa mesmo ser uma luz que queira me dizer algo.
Com o passar do tempo permitimos que os nossos alvos ou objetivos sejam substituidos ou até mesmo cobertos por algo mais fácil.Como se estivessemos matando os nossos sonhos diariamente,matando as nossas esperanças,nossas alegrias e a nossa vontade.
Morrer aos poucos é a morte mais dolorosa.Primeiro o seu corpo vai paralisando aos poucos,todos os seus músculos vão perdendo a força,depois o ar pode começar a ficar raro e você vai sufocando devagar,o mundo vai escurecendo e você não quer ficar sozinho nessa hora,mas a esperança deve ser resgatada para que o seu ar volte e o seu corpo recupere os seus movimentos.
Assim você vai parar de ter o mesmo sonho e um dia sem que perceba ao adormecer vai ter um novo sonho com novas cores e formatos.É tudo a sua volta se renovando,é você vivendo'

Nenhum comentário:

Postar um comentário